CASAS-ABRIGO SÃO INSUFICIENTES PARA ACOLHER VíTIMAS DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Portugal possui, actualmente, 36 casas-abrigo para acolher mulheres e crianças vítimas de violência doméstica, encontrando-se o interior do país a descoberto.

Ficamos a saber ,pela  secretária de Estado para a Igualdade,  o preocupante aumento deste flagelo social que, paulatinamente, tem vindo a ser descoberto .

“Nos primeiros seis meses do ano, PSP e GNR registaram 14.600 participações de violência doméstica, o que significa um aumento de 12 por cento face a igual período do ano anterior.” Todos os dias, uma média de 80. A violência doméstica tornou-se crime público em 2000. A coragem para romper o silêncio tem estado em crescendo. As forças de segurança registaram 11.162 ocorrências em 2000, 12.697 em 2001, 14.071 em 2002, 17.527 em 2003. A tendência sofreu uma ligeira quebra em 2004: 15.541. E logo recuperou: 18.193 em 2005, 20.595 em 2006, 21.907 em 2007, 28.381 em 2008. “

CRIASnotícias

Não nos causa surpresa  que o país não se encontre preparado para dar resposta a todas estas situações, não obstante as boas vontades das instituições mais vocacionadas para esta problemática.

Anúncios
Explore posts in the same categories: Ecologia da Mente, Género, Saúde Escolar e Familiar, Violência Doméstica

2 comentários em “CASAS-ABRIGO SÃO INSUFICIENTES PARA ACOLHER VíTIMAS DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA”

  1. lisete Says:

    queria saber se a vagas de abrigo violecia domestica


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: